segunda-feira, 2 de maio de 2016

Leia na íntegra a 166ª edição da Gazeta de Votorantim

Gazeta de Votorantim, edição 166 by Taryn Fox

Região de Sorocaba enfrenta falta de doses na primeira etapa de vacinação

Do G1 Sorocaba e Jundiaí

Secretaria de saúde de Votorantim alerta grávidas a procurarem imunização. 
Sorocaba recebeu nesta segunda-feira (2) mais 50 mil unidades.

Faltaram doses em postos de saúde em Sorocaba (Foto: Reprodução/TV TEM)

A demanda na primeira etapa da campanha de imunização contra a gripe deixou alguns postos de saúde da região de Sorocaba (SP) sem vacinas. Em Votorantim (SP), quase metade do público alvo já recebeu a dose. Entretanto, poucas grávidas compareceram aos postos de saúde e a situação preocupa os órgãos de saúde.

Sorocaba recebeu mais 50 mil doses nesta segunda-feira (2) e a segunda fase da campanha contra o H1N1 começa no dia 9 de maio.


Quem deixou para se vacinar na manhã de segunda-feira (2), em Votorantim, recebeu as últimas das 600 doses. Porém, algumas pessoas encontraram as prateleiras vazias. “Acabou, não tem mais. Falaram que é para voltar na quarta-feira. Então, eu vou voltar, porque a gente tem que tomar”, diz a dona de casa Aparecida Gonçalves, que não conseguiu se imunizar.

De acordo com a secretária de saúde de Votorantim, Izilda Mares de Moraes, aproximadamente metade do público-alvo foi vacinado. Porém, apenas gestantes compareceram em número menor do que o esperado.

“As mães geralmente têm medo de tomar a vacina. Mas quando ela é indicada pelo próprio Ministério da Saúde – independente do tempo de gestação – é porque ela é segura, não tem contraindicação e já foi comprovado que não tem nenhum problema para o bebê”, explica a chefe setor ao sugerir que as futuras mães se programem.

As gestantes e mulheres, que acabaram de ter filhos, estão nesta primeira etapa de vacinação e no mesmo grupo que os idosos, crianças entre 6 meses e até 5 anos e alguns funcionários de saúde. “A preocupação é comigo, mas é também com o ser que está aqui dentro a ser gerado com saúde, sair daqui com saúde. A Marcela também. Saúde para todos”, conta a professora Éricka Rocha, grávida de 7 meses. Ela aproveitou para levar a filha de 4 anos para tomar a vacina, não conseguiu e vai retornar.

Em Sorocaba (SP), um posto de saúde, na zona oeste da cidade, registrou falta de vacina. A vigilância em saúde do Estado comunicou os municípios de que novas doses chegariam nesta segunda-feira (2). Já em Votorantim, o trabalho para imunização deve ser retomado na quarta-feira (4).

Ainda na região, os moradores de Araçariguama (SP) ficaram sem doses no sábado (30). Ao todo foram 1.500 que chegaram e acabaram no mesmo dia. Em Itu (SP), três unidades de saúde tiveram aumento na procura. Já Piedade (SP) e Porto Feliz (SP) a vacinação ocorreu normalmente.

Na segunda etapa da campanha serão vacinadas pessoas com doenças crônicas, detentos, funcionários do sistema prisional e jovens que cumprem medidas socioeducativas e outros profissionais de saúde.

Após Dia D, vacinas esgotam em Votorantim

Jornal Cruzeiro do Sul

População foi pega de surpresa com a falta de vacina nesta segunda-feira, na UBS da Vila Jardini - PEDRO NEGRÃO


As pessoas que procuraram os postos de saúde em Sorocaba e Votorantim nesta segunda-feira (02) foram pegas de surpresa com a falta da vacina contra a gripe em algumas unidades. Em Votorantim, todas as dez mil doses disponibilizadas pela Secretaria de Estado da Saúde foram aplicadas no grupo de risco, nessa primeira etapa da campanha. Somente no sábado, com a realização do Dia D de combate ao vírus Influenza foram aplicadas 9.637, sendo 4.040 crianças 6 meses a 4 anos, 459 gestantes 155 puérperas, 455 trabalhadores da saúde e 3.962 pessoas acima de 60 anos. 

Segundo a assessoria de imprensa de Votorantim, a orientação é para que a população aguarde a chegada de nova remessa da vacina. "A campanha será retomada na quarta-feira, dia 4, pois o Grupo de Vigilância Epidemiológica da região de Sorocaba nos confirmou que mais uma grade de vacinas chegará hoje (segunda) à tarde vinda de São Paulo e que amanhã (terça) irão distribuir aos 20 municípios da região de Sorocaba", diz a nota. 

Em Sorocaba

Em alguns postos de saúde de Sorocaba, as vacinas também estão esgotadas. A população que procurou as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) dos bairros Vila Jardini, Márcia Mendes, Jardim Simus, Júlio de Mesquita e Vila Angélica, voltou para casa sem a vacina.

Segundo a Secretaria de Saúde de Sorocaba (SES), por meio da Divisão de Vigilância Epidemiológica (DVE), até às 14h de sábado (30) tinham sido imunizadas 23.794 pessoas que se enquadravam no grupo de risco, entre eles, os idosos, crianças de 6 meses a menores de 5 anos de idade, indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto). Na UBS do Wanel Ville a vacina acabou por volta das 16h de sábado.

A orientação da Secretaria da Saúde do Estado e do Ministério da Saúde, é priorizar, nesse primeiro momento, as pessoas que se enquadram no grupo de risco. A partir do dia 9 as equipes de saúde deverão imunizar também os pacientes que têm algum tipo de doença crônica. Até o dia 20 de maio todos os grupos de risco poderão ser imunizados. A meta da Prefeitura de Sorocaba é chegar, se possível, aos 100% da utilização das doses de vacina no município.

Campanha de Vacinação contra a Gripe será retomada na quarta-feira


Uma nova grade de vacinas contra a gripe Influenza deve chegar a Votorantim nesta terça-feira (3). Assim, a campanha de vacinação será retomada, a partir de quarta, em todas as unidades de saúde do município. No sábado (30), considerado o Dia D da campanha, 10.190 pessoas foram imunizadas.

Segundo a secretária de Saúde de Votorantim, Izilda Maris Chiozzoto de Moraes, as pessoas não devem se preocupar, pois todas serão imunizadas até 20 de maio, quando termina a campanha. Ainda conforme ela, as doses restantes da vacina foram aplicadas na manhã desta segunda-feira. "O Grupo de Vigilância Epidemiológica do Estado nos confirmou que mais uma grade de vacinas começa a ser distribuída amanhã (terça-feira) aos 20 municípios da região de Sorocaba", explica.

Por recomendação do mesmo Grupo, a imunização segue uma escala. A ordem que está sendo obedecida é a seguinte: até 9 de maio, são imunizadas as crianças de 6 meses a menores de 5 anos de idade; as gestantes; as puérperas (mulheres que deram à luz há pouco tempo) e os profissionais de saúde dos serviços público e privado. De 9 a 16 de maio, os idosos (pessoas com 60 anos ou mais). Já a partir de 16 de maio, àqueles encaminhados pelos médicos, portadores de doenças crônicas e reclusos.

A relação completa de locais, dias e horários de vacinação estão no site da Prefeitura de Votorantim: www.votorantim.sp.gov.br.

OS NÚMEROS

No sábado, Dia da D da campanha, foram imunizadas 4.420 crianças; 537 gestantes; 127 puérperas; 633 trabalhadores em saúde e 4.473 pessoas acima de 60 anos, totalizando 10.190 doses aplicadas. O levantamento foi feito, na tarde desta segunda (2), pela Secretaria de Saúde de Votorantim.

Secom Votorantim

Gustavo Estebam é campeão brasileiro de jiu-jítsu

O votorantinense Gustavo Estebam conquistou duas medalhas de ouro durante disputa do Campeonato Brasileiro de Jiu-Jítsu. A competição, organizada pela Confederação Brasileira e pela International Brazilian Jiu-Jitsu Federation, foi realizada em Barueri, São Paulo, e terminou neste domingo (1º).

Gustavo, que representa a Herman Gutierrez Team e conta com o apoio da Prefeitura de Votorantim, por meio da Secretaria de Desporto, foi campeão na categoria peso-leve, faixa azul, juvenil e ainda na absoluto (que reúne todos os pesos). "Estou muito feliz com essas conquistas", afirma. "Gostaria de agradecer a todos que torcem por mim e que me apoiam."

Agora, o votorantinense vai focar no Mundial, marcado 7 de junho, na Califórnia, Estados Unidos.

Secom Votorantim

TV Votorantim - Celso Prado - PM persegue e prende assaltantes

ADV recebe doações de Nota Fiscal


A Associação dos Deficientes de Votorantim (ADV Viva Legal) recebe doações pelo programa “Nota Fiscal Paulista”. Para quem não participa do programa, as doações das notas fiscais podem ser feitas na sede da instituição, que fica na Avenida José Miguel Skif, 109, no bairro Barra Funda, em Votorantim. Mais informações pelo telefone (15)
3343-1233

Sobre a ONG – ADV Viva Legal, criada em 1995, oferece atendimento especializado ao paciente portador de deficiência e à família, em habilitação e reabilitação. A instituição conta com profissionais nas áreas de psicologia, fonoaudiologia, terapia ocupacional e fisioterapia, além do serviço social, exames de audiometria e imitanciometria encaminhados pelo SUS. Atualmente, a ONG faz, em média, 550 atendimentos por mês.

Atenciosamente:
ADV Assessoria de Imprensa
(Amanda, Angélica, Isabela, Josiane e Juliane)

TV Votorantim - Celso Prado - Estrada do Lageado causa transtornos

Oito jogos movimentam a 23ª Tacinha Votorantim


A 23ª edição da Tacinha Votorantim de Futsal para Menores terá sequência neste sábado (7), com os seguintes jogos, todos eles no Cermag, a partir das 13h: Objetivo Sorocaba x XI de Agosto (sub-14), Darlene Devasto x XI de Agosto (sub-09), PM Boituva x XI de Agosto (sub-16), PM Boituva x Darlene Devasto (sub-12), PM Boituva x CAAS/Futmax (sub-14), PM Boituva x PM Piedade (sub-16), Esportivo Gol D´Ouro x PM Piedade (sub-16) e Real Boituva x Chute para Transformação (sub-12).


02/05/2016

A 23ª edição da Tacinha Votorantim de Futsal para Menores terá sequência neste sábado (7), com os seguintes jogos, todos eles no Cermag, a partir das 13h: Objetivo Sorocaba x XI de Agosto (sub-14), Darlene Devasto x XI de Agosto (sub-09), PM Boituva x XI de Agosto (sub-16), PM Boituva x Darlene Devasto (sub-12), PM Boituva x CAAS/Futmax (sub-14), PM Boituva x PM Piedade (sub-16), Esportivo Gol D´Ouro x PM Piedade (sub-16) e Real Boituva x Chute para Transformação (sub-12).

Secom Votorantim

Marcos Salvador é o 8º colocado na prova Circuito Mares

Atleta que representa a Prefeitura de Votorantim, por meio da Secretaria de Desporto, Marcos Salvador conquistou o oitavo lugar na quarta etapa do Circuito Mares, prova realizada no fim de semana, na Praia do Pequerê, em Ilha Bela, São Paulo. "Devido às circunstancias, o resultado não foi ruim", afirma.

O nadador se refere às condições do mar. Pelo fato de estar bem mexido, a prova, que originalmente era de dez quilômetros, não chegou a 2,5 quilômetros de percurso. "Os organizadores tomaram uma atitude sensata quando decidiram alterar o percurso da etapa", comenta Marcos. "Preservar os atletas deve ser sempre a prioridade."

A grande meta do votorantinense, para este ano, é a disputa da Travessia do Estreito de Gibraltar, em outubro. Ele conta com os apoios das academias Inovação e Ghimper, Queda D'Água Confecção, Fernando Sampaio Cardiologia Esportiva e Treino Online Glauco Rangel.


Secom Votorantim

Doses de vacina do H1N1 em Votorantim estão insuficientes

Jornal Ipanema



A previsão para a vacinação da gripe H1N1 em Votorantim é de que as doses recebidas para vacinar o grupo de risco nesta primeira fase da campanha acabem antes da tarde desta segunda-feira (2).

A expectativa foi divulgada pela secretária de saúde do município, Izilda Maris Chiozzotto, que informou que a procura pela dose está acima do esperado. De acordo com ela, a partir da hora do almoço as Unidades Básicas de Saúde, que aplicam a vacina, não terão mais as doses. "Nós temos a previsão de reposição por parte da vigilância estadual hoje no final da tarde", informou.

A cidade recebeu 10 mil doses, número menor que o esperado. Entretanto, Izilda relatou que o grupo de risco que precisa ser vacinado não deve se preocupar, pois até o fim da campanha, dia 20 de maio, a situação deve ser normalizada.

Fazem parte desta primeira fase, considerado grupo de risco, profissionais de saúde de hospitais públicos e privados, crianças maiores de seis meses a menores de cinco anos de idade, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto) e idosos com 60 anos ou mais, portadores de doenças crônicas não transmissíveis, detentos e funcionários do sistema prisional, além de jovens (de 12 a 21 anos de idade) sob medidas socioeducativas.

domingo, 1 de maio de 2016

Pacientes que fizeram transplante se preocupam com falta de remédio

Micofenolato de sódio é usado para que o organismo não rejeite órgão.
Secretaria de Saúde do Estado disse que houve demanda inesperada.



Grupo também aguardava disponibilização do medicamento (Foto: Reprodução/ TV TEM)


Os pacientes que fizeram transplante de rim e dependem de um medicamento específico para que o organismo não tenha rejeição do órgão estão preocupados com a falta do remédio na região de Sorocaba (SP). Na sexta-feira (29) alguns deles tiveram dificuldade para encontrar o micofenolato de sódio. A Secretaria de Saúde do Estado alegou que houve demanda inesperada e foi um caso pontual.
Este é o caso do aposentado, de Salto (SP), que há 13 anos fez a cirurgia e guarda as poucas cápsulas que sobraram do remédio. A TV TEM foi até a farmácia de alto custo da cidade para descobrir o motivo da falta do medicamento e uma funcionária confirmou a situação.

“Para minha surpresa, um dos medicamentos estava em falta. Questionei a funcionária e ela me disse para voltar no dia 5 de maio. Eu disse à ela que eu não podia aceitar isso pacivamente porque eu tinha uma cartela com dez comprimidos e tomo dois por dia. Então pediram para entrar em contato com a central de Sorocaba, foi o que fiz e também não tinha previsão de chegada do material”, diz Odair que ficou mais tranquilo ao conseguir uma doação.
Além dele, mais pessoas que passaram procedimento não conseguiram o medicamento na farmácia de alto custo do Hospital do Leonor em Sorocaba. De acordo com a aposentada Vilma Martins Pereira, ela foi de Votorantim (SP), que também está falta, até Sorocaba para tentar conseguir remédio.“Falei para a moça que não posso ficar sem. Ninguém pode”, conta.

Entretanto, durante a reportagem da TV TEM no local, os pacientes foram avisados que o remédio tinha chegado. A informação foi bem recebida por quem aguardava. “Chegou o de 360 e o outro está em falta ainda. Mas pelo menos por um tempo está garantido”, afirma a dona de casa Rosângela Rafael Silvino.

Em meio aos pacientes que dividem o mesmo drama, o deficiente visual Marcos Ribeiro da Costa teve a visão comprometida pelo problema que tinha no rim. Segundo ele, depois de esperar na fila e conseguir um transplante, agora só falta o remédio para garantir uma melhor qualidade de vida.

"Nós lutamos, não estou sozinho aqui, por esse fato do transplante e ficar sem medicamento é revoltante. Não tem o que se discutir", comenta.

A Secretaria de Estado de Saúde disse em nota que houve um aumento inesperado de demanda e que a falta de remédio foi pontual. Os pacientes foram avisados para ir buscar o medicamento.



Odair fez transplante há 13 anos e precisa de
medicamento (Foto: Reprodução/ TV TEM)

Tecnologia a serviço do que se consideram 'workaholic'

Jornal Cruzeiro do Sul


Fim de Jogo

Jornal Cruzeiro do Sul


Prefeito de Votorantim participa do 9º ConstruSer

O prefeito de Votorantim, Erinaldo Alves da Silva prestigiou a abertura da 9ª  Edição do  Encontro Estadual da Construção Civil em Família, o ConstruSer, relizado no sábado, 30 de abril, nas dependências do Sesi local.  O evento voltado para a qualidade de vida dos trabalhadores foi promovido pelo SindusCon-SP, em parceria com Fiesp, Senai-SP, Sesi-SP, Seconci-SP e Prefeitura.
O prefeito Erinaldo parabenizou os organizadores pela realização da festa e cumprimentou os presentes pela passagem do primeiro de maio, Dia do Trabalhador. "Esse é um dos eventos mais importantes de ação conjunta de empresários e instituições em favor do trabalhador.  Este ano mesmo com a crise em todos setores que assola o país, o Construser está sendo realizado. Parabéns a todos", reitera.
A Prefeitura de Votorantim apoiou o evento através das Secretarias de Meio Ambiente levando orientações ambientais e distribuindo mudas, entre outras atividades. A Secretaria da Saúde fez orientação de higiene e prevenção ao câncer bucal, além da Cultura que promoveu shows sertanejo  e rock pop.
O 9º ConstruSer teve como tema central "Água, cuida que tem" com a abordagem "Todos no combate ao Aedes aegypti" para conscientizar e mobilizar os participantes sobre a preservação da água, mostrando a sua importância para a continuidade da vida e também sobre as formas de combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor de doenças como a dengue, chikungunya e zika vírus.


Secom Votorantim

Sesc divulga programação de maio

Jornal Cruzeiro do Sul


Dani Black mostra músicas do álbum "Dilúvio" no dia 26 - DIVULGAÇÃO
 O cantor e compositor pernambucano Siba apresenta o show "De baile solto" no dia 15 - JOSE DE HOLANDA / DIVULGAÇÃO

Festival Sesc Melhores Filmes, Virada Cultural Paulista e Dança na Pedreira são os principais destaques da programação de maio do Sesc Sorocaba. Em sua 42ª edição, o Festival Sesc Melhores Filmes começa na terça-feira (3) e prossegue até o final do mês, com exibições de dez produções nacionais e estrangeiras que fizeram grande sucesso nos cinemas em 2015. Entre os destaques da mostra estão os filmes Que horas ela volta, de Anna Muylaert, e Mad Max - Estrada da fúria, de George Miller. Além de Sorocaba, o festival acontece em outras 13 cidades do interior paulista.

O cantor e compositor pernambucano Siba é uma das principais atrações da programação do Sesc, que integra a Virada Cultural Paulista. O show De baile solto, baseado no novo álbum do artista, ocorre no dia 15, às 17h, no anfiteatro da unidade e terá entrada gratuita. Também como parte da Virada Cultural, o Sesc realiza na noite do dia 14 a quarta edição do projeto Maratelona, que neste ano vai homenagear o artista britânico David Bowie. A programação contará com exibição dos filmes Labirinto - a magia do tempo e Forma de viver, ambos estrelados por Bowie. As maquiagens criadas e usadas por David Bowie também poderão ser experimentadas pelo público na intervenção Makebowie, com as maquiadoras Jéssica Giancotti, Flávia Machado, Isabella Mattucci e Rubia Schechtel. Haverá ainda um show em tributo ao astro inglês, com o grupo The Crazy Band, liderada pelo cantor sorocabano Maurício Nogueira.

Em maio, o Sesc também será um dos co-realizadores da mostra Dança na Pedreira, que acontecerá entre os dias 21 e 29 de maio na Pedreira desativada do jardim Icatu e no Parque Ecológico do Matão, em Votorantim. O evento é realizado pelo Coletivo O12 e a programação completa está disponível e www.coletivoo12.com.br. Como parte dessa mostra, o Sesc oferecerá o curso História e dramaturgia na dança, com Ana Teixeira, ex-diretora artística assistente do Balé da Cidade de São Paulo e Rosa Hércoles, ex-aluna e assistente de Klauss Vianna (1983-1987) e professora do curso de Comunicação e Semiótica (PUC/SP). O curso acontece entre 5 de maio a 28 de julho, sempre às quintas, das 19h às 21h30. As inscrições devem ser feitas antecipadamente na central de atendimento da unidade.

Em maio, o teatro do Sesc Sorocaba também recebe show do cantor e compositor Dani Black, que apresentará músicas do álbum Dilúvio. A apresentação acontece no dia 26 (quinta), à 19h, e os ingressos custam $ 20 (inteira).

No dia 28, às 20h, a atração do projeto Empulso será a banda As Bahias e a Cozinha Mineira. A entrada será gratuita e os ingressos deverão ser retirados na bilheteria da unidade com uma hora de antecedência. No mesmo dia, às 18h, os integrantes da banda participarão de um bate papo com o público para falar sobre o processo de criação e gravação do disco mais recente, intitulado Mulher.

Já no dia 5 (quinta-feira), o espaço expositivo da unidade recebe a exposição Ciranda de mãos, com curadoria de Elaine Buzatto. A mostra reúne trabalhos com técnicas artesanais, como sobreposição de rendas, fuxicos e cerâmica e evidencia a presença da cultura popular brasileira no trabalho da Cia. Tempo de Brincar, da qual Elaine faz parte, e que há 13 anos atua a na atualização e ressignificação da cultura popular, com foco no olhar das crianças para este rico universo. A exposição ficará gratuita até 28 de agosto e poderá ser vista de terça a sexta, das 9h30 às 21h, e aos sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h30. O Sesc Sorocaba fica na rua Barão de Piratininga, 555, Jardim Faculdade.
 

sábado, 30 de abril de 2016

Acordo coletivo impede a abertura do comércio

Jornal Cruzeiro do Sul


LCS conquista bronze em Barueri

Jornal Cruzeiro do Sul


Fim de Jogo

Jornal Cruzeiro do Sul



Bentinhos encaram o Primavera pela manhã


Jornal Cruzeiro do Sul


Um trabalho intenso, mas que deixou saudade

Jornal Cruzeiro do Sul



 Jurandir Rocha Ribeiro foi agente de estação, maquinista e funcionário da balança - FÁBIO ROGÉRIO

Jurandir Rocha Ribeiro dedicou a vida à Estrada de Ferro Elétrica Votorantim, seu primeiro e único emprego -- de 1978 a 2009. Foi agente de estação, maquinista e funcionário da balança (setor da fábrica Santa Helena que pesava os vagões carregados). O trabalho era intenso, já que a ferrovia conectava três plantas do grupo Votorantim -- a fábrica de tecidos, que hoje se chama Fiação Alpina; a de celulose, Votocel (atual Vitopel), e a Cimento Votoran --, mas a saudade é ainda maior. "Mesmo trabalhando domingos e feriados quando era jovem, eu era feliz e não sabia", diz.

Na Estação Paula Souza, que comandava o tráfego, Jurandir tinha de coordenar um verdadeiro quebra-cabeças. "Era trem subindo e descendo o dia todo. Despachávamos lenha e carvão para a Votocel; ia óleo para a caldeira da fábrica de tecidos e voltava pano nos vagões fechados. Da Santa Helena recebíamos clínquer e cimento e mandávamos bauxita, escória e carvão", elenca ele, lembrando também do trem "marmiteiro", que levava consigo um vagão carregado com o almoço dos funcionários do Grupo Votorantim.

"A composição ia parando (eram várias estações até Votorantim, como Vila Assis e Parada do Alto) e as esposas embarcavam uma marmita metálica que tinha, numa plaquinha, o nome do funcionário e a fábrica que ele trabalhava." A prática curiosa acabou no final dos anos 70, mas a tempo do jornal Cruzeiro do Sul a registrar em uma reportagem publicada em 22 de maio de 1977.

SindusCon Sorocaba realiza 9º edição do ConstruSer


Um evento idealizado para reunir as famílias dos trabalhadores da construção civil. Assim é o ConstruSer, maior evento de responsabilidade social da construção civil paulista, que será realizado no próximo sábado, 30/04, das 8h30 às 17h, no Sesi de Votorantim, que fica na Av. Cláudio Pinto Nascimento, 140 - Jd. Morumbi.

O ConstruSer é uma iniciativa do SindusCon - SP em parceria com a FIESP, SESI, SENAI e SECONCI, na qual os participantes tem acesso à atividades como educação alimentar, oficinas de leitura, orientações às mães e gestantes, exames médicos e odontológicos, esportes, oficinas de artesanato para geração de renda complementar, oficinas de educação ambiental e outras práticas relacionadas à saúde, educação, cultura, lazer e entretenimento.

De acordo com a vice-presidente de obras públicas do SindusCon e, uma das idealizadoras do projeto, Maristela Honda, este evento objetiva elevar a qualidade de vida dos trabalhadores e de seus familiares por meio de atividades lúdicas e socioeducativas, fortalecendo o vínculo familiar e promovendo a autoestima do trabalhador.

“Neste momento de crise política e econômica que estamos vivendo, infelizmente tivemos um grande número de demissões. Tanto os trabalhadores como os empresários estão vivendo um momento difícil. Nossa preocupação é atender essa carência e, por isso, precisamos unir forças fazendo projetos como o ConstruSer, que oferece novas perspectivas e ferramentas para os trabalhadores .Esperamos que as pessoas participem com o mesmo ânimo de outros anos, pois a gente não pode esmorecer, temos de ter esperança e lutar por um futuro melhor”, diz Maristela.

Para o diretor regional do SindusCon-SP em Sorocaba, Elias Stefan Junior, há quase uma década este projeto vem sendo um sucesso. “São muitas pessoas envolvidas para proporcionar essa festa de cidadania. Os resultados alcançados são bastante positivos e é isso que motiva o SindusCon a promover essa grande mobilização, que é realizado nas dez regionais e na Capital”, destaca Stefan.

A 9º edição do ConstruSer pretende atrair mais de 4 mil pessoas e conta com o apoio das seguintes empresas e entidades: Caixa Econômica Federal; Construtora Alavanca; CRB Incorporações e Construções;Prohidro Comercial e Construtora; JHD Construções e Comércio; Construtora MRV; Aços Sorocaba, AEAS - Associação dos Arquitetos e Engenheiros de Sorocaba; Casa do Construtor;Instituto da Construção; Sanamed Saúde de Votorantim; Hospital Santo Antônio e Seconci.

Inscrições – O ConstruSer é um evento exclusivo para os trabalhadores das empresas associadas ao sindicato e suas prestadoras de serviço. As empresas interessadas em inscrever seus trabalhadores já podem entrar em contato pelo telefone (15) 3224-2369 ou pelo e-mail sinduscaba@sindusconsp.com.br



Serviço:

9ª Edição do ConstruSer

Data: 30 de abril (sábado), das 8h30 às 17h

Local: SESI Votorantim

Endereço: Av. Cláudio Pinto Nascimento, 140 - Jd. Morumbi.

Informações: (15) 3224-2369 | sinduscaba@sindusconsp.com.br






Vergili Press Office Comunicação Integrada

Coletivo Cê tem nova sede no Centro de Votorantim

Jornal Cruzeiro do Sul

 O imóvel é situado na avenida Vereador Newton Vieira Soares, 325 - EMÍDIO MARQUES
Um imóvel público em desuso, situado na avenida Vereador Newton Vieira Soares, 325, no Centro de Votorantim, será transformado na nova sede do grupo teatral Coletivo Cê. O prédio, que até o início deste ano abrigava o arquivo morto da Prefeitura, passa por reformas e deve ser inaugurado dentro de 30 dias.

O novo espaço foi oferecido pela prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura, Turismo e Lazer (Sectur), depois que o coletivo encerrou as atividades artísticas e culturais que eram realizadas na antiga associação de moradores do bairro da Chave. Essa decisão foi tomada em 2015, sob a alegação de que uma parcela de moradores do bairro estaria reivindicando o direito de usar o esp




Segurança da tocha é debatida em Sorocaba

Jornal Cruzeiro do Sul

Projeto será de aproximadamente 12 quilômetros - ROBERTO CASTRO / ME / BRASIL 2016

Integrantes das forças de segurança locais participaram de uma reunião, nesta sexta-feira (29), na sede da Guarda Civil Municipal (GCM), em Sorocaba, com o objetivo de dar sequência aos detalhes da operação do revezamento da Tocha Olímpica. Em parceria com os funcionários da Secretaria de Esporte e Lazer (Semes), Secretaria de Serviços Públicos (Serp), da Urbes, do Saae, da CPFL Piratininga, da concessionária CCR (rodovia) e da própria GCM, os membros da Polícia Militar, Polícia Rodoviária, Polícia Federal, Polícia Civil, Marinha, Tiro de Guerra e Guarda Civil de Votorantim puderam alinhar as informações acordadas na última reunião do grupo, realizada em março, para que o evento que precede a Olimpíada possa ocorrer com total segurança no município, tanto para quem fará o percurso quanto para os espectadores.

As instituições farão suporte ao evento assim que o comboio da tocha chegar a Sorocaba, dando reforço para a operação encabeçada pela Força Nacional de Segurança Pública. Também participaram da reunião na GCM os secretários municipais João Leandro da Costa Filho (Governo e Segurança Comunitária) e Flávio Leandro Alves (Esporte e Lazer).

Em Sorocaba, a chama da Olimpíada será carregada por 62 condutores, percorrendo um trajeto de aproximadamente 12 quilômetros. Ela passará pelo município no dia 17 de julho e o evento total deverá ter duração de aproximadamente 2h30. A tocha finalizará seu percurso no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, dia 5 de agosto.

Arte em rótulos

Jornal Cruzeiro do Sul

Desde o início de abril, os apreciadores de cerveja podem também prestigiar trabalhos feitos por seis artistas independentes de Sorocaba e Ibiúna, que emprestaram suas técnicas para ilustrar rótulos da cervejaria Bamberg, fundada há 11 anos em Votorantim.

Alexandre Bazzo, cervejeiro e fundador da marca, explica que o objetivo era ultrapassar a barreira da bebida alcoólica e chegar ao entretenimento. "Essa é a primeira experiência e as artes ficaram lindíssimas". O Projeto, que deverá ser anual sempre com artistas da região, reuniu nessa primeira edição os desenhos de Pêu Ribeiro, Daniel Bruson, Ricardo Wong, Peterson Ruiz, Renê Junior e Marcelo Malusco, sendo esse último de Ibiúna.

Lechuza faz clínica de rugby no Sesi Votorantim, neste sábado

http://www.lechuzarugby.com.br


O Lechuza Rugby Clube realiza neste sábado, dia 30, a 1ª Clínica de Rugby 2016, para crianças e adolescentes com idades entre 8 e 17 anos. O evento fará parte da 8ª edição do ConstruSer – Encontro Estadual da Construção Civil em Família, que deverá reunir mais de 6.000 pessoas no Sesi de Votorantim. “Os Corujas levarão 40 voluntários para participar da Clínica e ainda vão colaborar com a Oficina de Pipas”, explica Miro Negrini, diretor de Marketing do clube.

As atividades começam a partir das 9 horas e se estendem até às 16 horas, com intervalo para o almoço. A Clínica de Rugby é uma oportunidade de apresentar o esporte às crianças e adolescentes e atrair a atenção dos adultos para o rúgbi. Serão realizados diferentes exercícios, práticas, touch, brincadeiras com bola, flag e explicação das principais regras do esporte.

O evento é uma realização do SindusCon-SP, conjuntamente com Fiesp, Sesi-SP, Senai-SP e em parceria com o Seconci-SP.

Ouça a Rádio Cultura Votorantim